Como aproveitar ao máximo o seu emprego

«Sente-se presa em termos profissionais? Aproveite o novo ano para desenvolver novas competências para conseguir um novo emprego.


Contudo, muitas pessoas sentem-se realmente amarradas aos seus empregos actuais, devido à falta de actividade no mercado de trabalho e ao impacto negativo da crise nos seus PPR.. Sentem que não só têm de ficar onde estão, como também têm de trabalhar mais e ganhar menos. Sem novos desafios e sem perspectivas de aumentos salariais ou promoções, qualquer pessoa pode perder a motivação e sentir-se impotente.

Mesmo assim, o facto de permanecer num emprego que está longe de ser o ideal não significa que tenha de adiar o seu desenvolvimento profissional. Ao adquirir novas competências dentro e fora do seu emprego actual, uma pessoa pode progredir ainda que continue a trabalhar no mesmo sítio.

Uma pessoa deve manter-se centrada nos seu
s objectivos e aproveitar o tempo para se apetrechar de forma a conseguir o seu próximo emprego. "Lembre-se que as coisas não vão ficar assim para sempre," afirma Laurence Stybel, consultor de liderança e presidente da Stybel Peabody & Associates, uma empresa especializada no recrutamento, e desenvolvimento e transição de carreiras.

Em tempos de crise, perdida no meio de uma carreira entediante, é fácil uma pessoa pensar que não tem nenhuma opção. Mas, independentemente da sua situação, é sempre possível uma mudança. "Perspective a sua carreira como se fosse um período de 18 meses," sugere Dory Hollander, psicóloga e consultora de carreiras. "Isso irá evitar que se sinta preso."

Fale com o seu chefe para descobrir o que é que você pode fazer para iniciar uma curva de aprendizagem, e passe os três meses seguintes a adquirir as competências necessárias, dentro e fora da sua empresa. Existem inúmeras formas de ganhar novas competências.

Assuma novas responsabilidades que o colocarão à prova. Inscreva-se num curso de formação contínua. Trabalhe os seus dotes de oratória com uma organização como a Toastmasters International. Peça ao seu guru em matéria de tecnologias da informação que lhe dê uma aula de Excel ou PowerPoint. Caso seja especialista num determinado tema e possa partilhar esses conhecimentos com outras pessoas, crie um blogue para ganhar visibilidade. "Ao aprender a dominar novas competências, pode descobrir novas coisas que o entusiasmem," refere Hollander. "Este processo também vai ajudá-lo a reflectir sobre o que deseja fazer em seguida."
Depois, passe os seis meses seguintes a falar com pessoas na empresa acerca do que tem estado a fazer e ganhe uma maior visibilidade. "Descubra quem são os seus stakeholders," afirma Hollander. "Estes podem ajudá-lo a conseguir uma transferência a nível interno e colocá-lo em contacto com pessoas de outras empresas."

Pode ter um novo recomeço ao conseguir uma mudança dentro da sua própria empresa, disponibilizando-se para ser transferido para um novo escritório ou pedindo para trabalhar a partir de casa um dia por semana.

A melhor altura para trabalhar em rede é quando uma pessoa não está activamente à procura de emprego, por isso, nos nove meses seguintes, certifique-se que continua a conhecer novas pessoas. Também existem inúmeras formas para trabalhar em rede. Adira a uma associação profissional.

Actualize o seu currículo e publique-o no LinkedIn. Diga às pessoas que teve um ano fantástico e está à procura de uma mudança. Comece um grupo de desenvolvimento profissional com alguns amigos noutros sectores; reúnam-se regularmente para trocar contactos e ajudarem-se mutuamente, reflectindo sobre objectivos profissionais e falando sobre os receios relacionados com uma possível mudança.

"Pode pensar-se que quando uma pessoa explora outras oportunidades está como que a trair a sua carreira, mas todas as pessoas devem ter sempre um plano B, especialmente quem se sente infeliz," afirma Hollander.
Faça parte de algo maior do que você. Disponibilize-se para ser o mentor de um colega de trabalho mais jovem. Cultive interesses e desafios fora do escritório. Treine para uma maratona. Inicie um curso de línguas. Uma pessoa trabalhará mais eficientemente se tiver uma razão para sair do escritório a horas decentes ou para não trabalhar aos fins-de-semana. Faça uma pausa. Mesmo uma escapadela de três dias pode ajudá-lo a começar a desenvolver uma visão mais nítida acerca do seu futuro e ajudá-lo a perspectivar a sua situação.

Mais importante ainda, tente descobrir exactamente porque é que se sente preso e depois obrigue-se a aproximar-se pouco a pouco da mudança. Os "incómodos" profissionais, como ficar no seu emprego porque adora os seus colegas, ou simplesmente porque tem medo de recomeçar tudo de novo, podem conduzir à inércia. "Esses incómodos minam a nossa capacidade de tomarmos decisões racionais benéficas para nós," afirma Hollander.»

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Como criar um terraço mediterrânico